search

Blog da mell.ro

Lei do inquilinato

Como vender um imóvel com inquilino?

Lei do inquilinato

Como vender um imóvel com inquilino?

Por
23 de fevereiro de 20225 minutos de leitura587 visualizações
Como vender imóvel com inquilino?

Aqui no blog da Mellro, nosso foco principal é sempre falar sobre aluguel. E sobre as relações entre o inquilino e o proprietário. Mas, hoje, vamos mudar um pouco de assunto. Já parou para pensar que nem sempre o dono do imóvel quer alugar o espaço por muito tempo? Em alguns casos, a venda pode ser mais interessante. Assim, surge um questionamento. Como o proprietário pode vender um imóvel com inquilino?

Não é uma questão tão complicada assim. De modo geral, o dono precisa ficar de olho em algumas burocracias. Afinal, naquele momento, o inquilino tem preferência. Assim, o proprietário precisa seguir alguns passos para beneficiar as duas partes. E é esse o assunto que vamos abordar hoje. Separamos quatro dicas essenciais para vender um imóvel com inquilino. Então, vamos lá!

Em síntese, vender um imóvel não é um processo difícil. Porém, se o imóvel já estiver alugado, a história é diferente. Mesmo que o espaço esteja no nome do dono, é preciso respeitar o inquilino. 

Também existem outras coisas a serem feitas nessa situação. Muitas dependem da decisão do inquilino de aceitar ou não a oferta de compra. Assim, devem ser avaliadas caso a caso.

 

Como vender um imóvel?Questões importantes para quem vai vender um imóvel com inquilino

De modo geral, é necessário levar em consideração alguns pontos antes de vender um imóvel com inquilino.

Preferência de compra

Já mencionamos isso anteriormente. O proprietário precisa enviar uma proposta de compra para o inquilino. Depois disso, o morador tem até 30 dias para responder se gostaria de comprar o imóvel ou não.
A quinta sessão da Lei do Inquilinato fala sobre isso. Os artigos explicam sobre a preferência do inquilino. De modo geral, o dono precisa explicar todos os detalhes da proposta. E, caso o morador não apresente interesse no prazo de 30 dias, ele perde a preferência.

Como deve ser o comunicado de venda?

O Artigo 27 da Lei do Inquilinato fala sobre a proposta de venda do imóvel. Assim, o comunicado precisa incluir algumas informações essenciais. Como:

  • Condições de negócio;
  • Preço da compra;
  • Forma de pagamento;
  • Certidão de ônus reais;
  • Data e local para examinar a documentação do imóvel.

E as visitas no imóvel, como ficam?

Caso o inquilino não queira comprar, o proprietário pode oferecê-lo para outras pessoas. Nesse caso, surge uma dúvida. É possível agendar visitas no imóvel para os interessados?

A resposta é sim. Porém, é necessário combinar com o inquilino antes. O artigo 23 da Lei do Inquilinato explica que o morador precisa deixar que as visitas aconteçam. Mas, para isso, o dono tem que acertar um dia e horário que funcionem para ambas as partes. Assim, evitam-se problemas. Dessa forma, não é permitido que o imóvel receba visitas sem que o inquilino tenha conhecimento.

O inquilino tem que sair do imóvel se ele não quiser comprar?

Não. O contrato de aluguel segue normalmente. Quem comprar o imóvel vai decidir se vai continuar com o contrato de aluguel ou se pede o imóvel. Mas só depois que tiver comprado. Assim, se resolver ficar como morador, precisa dar o prazo de até 90 dias para o inquilino poder buscar um novo imóvel.

Quer saber se seus direitos estão sendo respeitados?

Use nossos questionários para descobrir em poucas perguntas

Caso o inquilino queira comprar o imóvel, mas o dono não respeitou o direito de preferência, o que fazer?

Esta é uma situação mais delicada. Imagine que o inquilino recebeu a proposta de compra e quer adquirir o imóvel. Porém, o dono não respeitou o direito de preferência e vendeu para outra pessoa. Nesse caso, o morador tem direito a uma indenização. Ou seja, caso consiga comprovar que tinha condições de comprar o imóvel. Então, poderá solicitar uma indenização na justiça.

Conheça a Mellro

Nascemos para facilitar a vida de quem lida com aluguéis! 

A Mell.ro é uma garantidora de pagamento de aluguel. Nós criamos soluções para deixar o processo de alugar um imóvel o mais simples e seguro.

A nossa solução principal é o Aluguel Garantido. Basicamente é um plano de garantia de pagamento de aluguel para quem precisa receber esse dinheiro sempre em dia. O objetivo desse plano é impedir o atraso do aluguel. 

Com o Aluguel Garantido, o dono ganha também o contrato de aluguel digital, além de emissão mensal de boletos e outros benefícios. Além disso, corretores de imóvel também podem aproveitar essa garantia! Nossa plataforma facilita os processos do dia a dia na hora de alugar.

Visite o nosso site e as nossas redes sociais para entender melhor como o trabalho da Mell.ro funciona. Vem com a gente e receba o seu aluguel sempre em dia!

Vantagens de anunciar na Mell.ro

A gente espera ter te ajudado a entender melhor como esse processo funciona! Não é nada muito complicado. Porém, é preciso ficar de olho nos detalhes. Principalmente nas obrigações judiciais. 

Gostou desse conteúdo? Publicamos por aqui toda semana. Sempre buscamos trazer assuntos relevantes no mundo imobiliário. Acompanhe a gente e fique por dentro das últimas novidades! Até a próxima.

 

Compartilhe esse conteúdo
FacebookLinkedInWhatsAppEmail
Jessica Horr
Sobre o Autor

Jessica Horr

Jornalista e criadora de conteúdo. Já escreve conteúdos para o mercado imobiliário há mais de 1 ano. Apaixonada por comunicação, crochê, gatos e Taylor Swift.

Deixe o seu comentário, dúvida ou opinião!

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nome

Email


Comentário

Artigos Relacionados